Candidíase: Como a Alimentação Pode te Ajudar

A candidíase é provocada por um fungo oportunista. Sempre que a imunidade baixa um pouquinho, ou acontece uma alteração no pH da região íntima pelo próprio momento do ciclo menstrual, ela vai lá e dá as caras!


A maior parte dos casos é de contaminação pela “cândida albicans” e aproximadamente 5% das mulheres acometidas podem desenvolver a candidíase crônica, apresentando vários casos ao longo do ano.


E o que faz esse fungo conseguir espaço para se proliferar?


  • uso de antibióticos

  • uso de contraceptivos

  • fatores hormonais

  • vestuários que deixam a região íntima abafada

  • consumo excessivo de alimentos doces

  • estresse

  • constipação e síndrome do intestino irritável


Os sintomas geralmente são: dor ou peso no baixo ventre, ardor, prurido, corrimento branco espesso e perda da libido.


E o que fazer para melhorar?


  • Conversar com seu ginecologista é essencial!

  • Cuidar da sua imunidade

  • Ter uma alimentação rica em prebióticos, que são o alimento para os lactobacilos e bifidobactérias competidores do fungo em nosso organismo, ou seja, alimentação rica em frutas, legumes e verduras!

  • Evitar o consumo de alimentos doces com alta frequência e principalmente na fase em que costuma ter a candidíase (que é normalmente a que antecede a menstruação)

  • Praticar atividade física

  • Ter uma alimentação balanceada

  • Avaliar a necessidade de uso de probióticos


Lembrando que é sempre necessária uma avaliação individualizada para entender o que acontece e o que deve ser feito com maior precisão!


Qualquer dúvida sobre o tema, me mande uma mensagem!



Nutr. Natália Duarte

CRN3 59350



#celulite #alimentação

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo